PDFImpressão

Macau - A preservação do centro histórico, património da humanidade

O centro histórico de Macau foi classificado pela UNESCO, em Julho de 2005, como património da humanidade.

O alto significado desta decisão, apoiada pela República Popular da China e por Portugal, é explicado neste trabalho.

O texto desta edição foi extraído do livro "China e os Países Lusófonos - Património Construído", publicado em Outubro de 2016 pelo Instituto Internacional de Macau, identificando notáveis legados existentes na China e no mundo lusófono consagrados como património da humanidade.

Preservar e valorizar o legado histórico, cultural e arquitectónico de Macau é uma responsabilidade assumida pelas autoridades e pela comunidade, em geral, exigindo um enorme sentido de equilíbrio entre a promoção do desenvolvimento e a conservação do património herdado.
Preço VendaMOP80,00